– Lente de Ouro Inspiration Photographers 2015 –

PRÊMIO-LENTE-DE-OURO-5

En

So, Hi people … I WON THE PRIZE INSPIRATION PHOTOGRAPHERS REVELATION OF THE YEAR IN BRAZIL.

I write a lot, talk a lot, and now, as a Piscean newfound (I found that my ascendant, the Moon, and every imaginable planets were in Pisces when I was born, so I who loved to say, “Sagittarian, thank you”), I feel too much.

And I’m not a party girl.

I wanted to be at the party, embrace and see some friends, meet new ones, see my friend hand me this award, but … I was shooting. To vary working.

Full time job, I repeated myself these last three years.

But the fact is this: I WON THE PRIZE INSPIRATION PHOTOGRAPHERS REVELATION OF THE YEAR IN BRAZIL.

Yes, it’s Oscar of national wedding photography! The most respected, motivational prize, celebrated, dreamed … And no, not for a minute I thought I woulds win! Because I think so many amazing people. Because it has so many great works.

But it happens that I won. And I ran with such amazing people!

 

Pt

Então né gente… GANHEI O PRÊMIO INSPIRATION DE FOTÓGRAFA REVELAÇÃO DO ANO NO BRASIL.

Eu escrevo bastante, falo bastante, e agora, como uma pisciana recém descoberta (descobri que meu ascendente, a Lua, e todos os planetas imagináveis, estavam em Peixes quando eu nasci, logo eu que adorava dizer: “sagitariana, obrigada”), eu sinto bastante.

And  I’m not a party girl.

Queria muito estar na festa, ver e abraçar alguns amigos, conhecer novos, ver minha amiga me entregar esse prêmio, mas… eu estava fotografando. Pra variar, trabalhando.

Full time job, eu me repeti esses últimos 3 anos.

Mas o fato é esse: EU GANHEI O PRÊMIO DE FOTÓGRAFA REVELAÇÃO DO ANO DO BRASIL.

Sim, é o Oscar da fotografia nacional! O prêmio mais respeitado, inspirador, festejado, sonhado… E não, nem por um minuto eu achei que eu fosse ganhar! Porque eu acho tanta gente incrível. Porque tem tantos trabalhos ótimos.

Mas acontece que ganhei. E concorri com tanta gente incrível!

Então, esse prêmio teve ainda mais sabor. E isso me fez sentir ainda mais orgulho de fazer parte, como membro e agora vencedora de um prêmio, da Inspiration Photographers. Mas mesmo uma non partie, eu queria estar lá na festa ontem! (e estarei ano que vem). Queria ter curtido muito a festa, celebrado, abraçado, vibrado, e mais, ter falado a tantas pessoas que cruzaram meu caminho nesses anos como eles me ajudaram, me inspiraram de alguma forma.

Celebrei longe, pós trabalho, com muito vinho, um disco do Bob Dylan cantando alto Like a Rolling Stone, sem parar na minha vitrola.

“How does it feel? To be without a home, like a complete unknown?”

Era assim que me senti nessa caminhada. Like a complete unknown, like a rolling stone. E o bom disso, é ser você mesmo. É não seguir muitas regras e modelos, mesmo que TODOS os fotógrafos do planeta digam o jeito certo de fazer, eu sempre achei, desde o começo, que não existia jeito certo. Apenas o jeito da crença de cada um.

Só dei 1 WS em minha vida, e fui questionada pelos alunos na época, com perguntas como: “mas vc acha foto assim certo? Não é errado essa foto sua sem foco?” Me lembro que respondi: “Não sei. Deve ser. Mas essa fez sentido pra mim. Essa me emociona.” É isso. Nunca achei que houvesse certo. Bom, se há, não existe certamente o errado. Existe o que funciona ou não. O que é fotografia ou não. O que é arte ou não.

E claro, aí assim, entram as técnicas, que vêm do estudo. Esse fundamental. Mas isso aqui não é pra entrar nessa questão.

Era só pra dizer que eu tô feliz demais, honrada e achando esse prêmio demais!!!

A cada uma das minhas noivas, CADA UMA, um obrigada infinito.

Esses piscianos sentem e escrevem demais.

Se eu fosse mais sagitariana eu diria: “GANHEI!! CARAMBA! QUANDO EU VOU COLOCAR A MOCHILA NAS COSTAS E VIAJAR O MUNDO?”

Talvez, um dia, sagitariana. Talvez, um dia.